Saúde da mulher: exercícios, alimentos e suplementos para o bem-estar feminino

saúde da mulher

Manter uma rotina que alie exercícios e alimentação balanceada é importante para todas as pessoas, independentemente do gênero. Entretanto, existem alguns ingredientes e nutrientes que trazem grande vantagens para as mulheres. 

A prática de determinados exercícios, consumo de alguns alimentos específicos e uso de suplementos característicos são fundamentais para a saúde e bem-estar feminino. Confira as principais dicas a seguir!

Os principais exercícios para o bem-estar feminino 

Muitas mulheres comentam que depois da menopausa e durante a TPM é muito difícil manter ou encontrar o bem-estar. Felizmente, essa é uma realidade que pode ser melhorada: é possível amenizar os efeitos desses momentos hormonais por meio de atividades físicas. 

Exercícios de impacto, como corridas ou trotes, assim como exercícios de força, como musculação e pilates, por exemplo, podem ser ótimas formas de encontrar conforto. 

Os exercícios de impacto ajudam na fixação do cálcio nos ossos, enquanto os exercícios de força ajudam a manter a massa muscular, afinal, é muito comum que as mulheres sofram com osteoporose e perda/dificuldade de ganho de musculatura.

Alimentos importantes para a saúde das mulheres

Embora uma alimentação saudável e equilibrada seja fundamental para a saúde e bem-estar feminino, alguns alimentos são considerados essenciais para o organismo das mulheres. Listamos os principais.

Soja

A soja é importante para o bem-estar feminino por ser rica em isoflavonas, principalmente durante o período da menopausa, por ajudar a reduzir os sintomas clássicos e indesejados desse momento, como as famosas ondas de calor.

Além disso, a soja também reduz sintomas da TPM e é capaz de combater o câncer de mama, osteoporose, Alzheimer e até mesmo diabetes. 30 g diárias de soja é considerada uma dose mais do que suficiente desse alimento.

Chocolate amargo

O chocolate com alta concentração de cacau (acima dos 70%) é um alimento coringa para a saúde feminina. Isso porque ele é capaz de diminuir o risco de doenças cardiovasculares e prevenir diferentes tipos de cancros. Além disso, esse alimento também é capaz de controlar a ansiedade – sentimento tão comum do público feminino. 

Mas tome cuidado, o chocolate ainda é bastante calórico: dois quadradinhos diários são suficientes para se obter todos os benefícios.

Semente de linhaça

A semente de linhaça é uma ótima aliada da saúde e bem-estar feminino. Rica em fibras e ômega 3, é capaz de equilibrar os níveis de colesterol, amenizar as ondas de calor, favorecer a perda de peso e ainda potencializar o funcionamento do intestino.

1 colher de semente de linhaça diariamente é o suficiente para conseguir os benefícios.

Vegetais verde-escuros

Vegetais verde-escuros como rúcula, espinafre, couve e agrião, por exemplo, possuem altas doses de vitaminas A, C, K, além de vitaminas do complexo B, como é o caso do ácido fólico.

Toda essa união de vitaminas e minerais age por todo o corpo feminino, trazendo melhorias na pele, unhas, músculos, ossos e cabelos. Com uma porção de vegetais escuros por dia, a saúde feminina já é potencializada.

Melhores suplementos para o público feminino 

Pensando na saúde e bem-estar feminino como um todo, alguns suplementos são considerados fundamentais para a mulherada. Os principais são:

Cálcio 

Por conta dos efeitos da menopausa o uso de suplementos à base de cálcio é fundamental tanto para a saúde óssea, quanto para a saúde muscular das mulheres.

Vitamina D

Como se sabe, a vitamina D é responsável pela fixação de cálcio nos ossos, visando prevenir assim patologias como a osteoporose. Por isso, se houver necessidade de suplementação do mineral, é importante que a vitamina também seja suplementada.

Colágeno hidrolisado 

O colágeno hidrolisado é fundamental para a saúde e bem-estar feminino, tanto de maneira interna, quanto externa. Esse suplemento é capaz de aumentar a saúde de tecidos lisos, como é o caso do intestino, como tecidos exteriores, como unhas, pele e cabelo, por exemplo.

Magnésio 

Conhecido como calmante natural, o magnésio é um aliado das mulheres que sofrem com alterações de humor e insônia provenientes da TPM e da menopausa.

Polivitamínicos 

Como se sabe a maioria das mulheres têm a vida corrida, e muitas vezes não conseguem adotar uma alimentação equilibrada, se fazendo de grande importância o uso de suplementos polivitamínicos como forma de cobrir eventuais carências não supridas somente pela ingestão alimentar.

É importante ressaltar que cada organismo é único e que é necessário avaliar cada caso antes de fazer uso de qualquer tipo de suplemento.

Com isso em mente, o mais importante é saber que quando o assunto é saúde e bem-estar feminino, você pode contar com a Dovalle.

Com uma linha repleta de suplementos nutracêuticos, a Dovalle é referência em qualidade e atendimento, tanto para pacientes, quanto para profissionais da saúde.

Para conhecer a nossa linha de suplementos e oferecer saúde para as mulheres, basta clicar aqui

A importância e os benefícios do zinco para a saúde

benefícios do zinco

Saiba quais são os benefícios do zinco e a sua importância para a saúde

O zinco é um mineral de grande importância para a saúde, uma vez que participa de mais de 300 reações químicas do corpo. Assim, sua ausência pode causar uma série de alterações no funcionamento no organismo. Por isso, hoje vamos mostrar quais são os principais benefícios do zinco à saúde.

Se você busca potencializar a saúde de seus pacientes, não deixe de conferir o nosso artigo.

Os principais benefícios do zinco à saúde

Por participar de muitas reações fisiológicas em nosso organismo, esse mineral é capaz de prover uma série de efeitos benéficos. Conheça agora quais são os principais benefícios do zinco para a saúde.

Saúde cardiovascular

Um dos principais benefícios do zinco é o seu auxílio no controle da pressão dos vasos. Estudos sugerem que o mineral está relacionado a reparação e renovação celular de vasos sanguíneos, evitando que se tornem enrijecidos e menos maleáveis, o que poderia contribuir para o aumento da pressão arterial. Por isso, é possível afirmar que mesmo de maneira indireta, o zinco é capaz de prevenir quadros de pressão alta, AVC e até mesmo infartos.

Espanta a depressão

Um estudo recente mostrou que o zinco melhorou o quadro de depressão em mulheres jovens. A explicação para isso, seria que o mineral facilita a ocorrência de sinapses cerebrais, que nada mais é do que a forma de comunicação dos neurônios. Com melhor comunicação neuronal, os sintomas de tristeza, melancolia e depressão seriam afastados.

Previne o Alzheimer

A maioria dos pacientes com Alzheimer apresentam deficiência de zinco no organismo. O mineral é parte importante de uma enzima chamada superóxido dismutase, importante para proteção de estresse oxidativo.

Quando há pouca quantidade de zinco, o cérebro fica mais vulnerável à ação dos radicais livres, um fator de risco para o surgimento de Alzheimer. Por isso, o consumo do mineral por jovens adultos é muito importante.

Combate o diabetes

Um dos principais benefícios do zinco é o combate ao diabetes. O mineral tem uma relação muito próxima com o estoque e liberação de insulina. Sua carência pode acelerar o processo de resistência insulínica e deixar as pessoas mais propensas ao desenvolvimento do diabetes.

Além disso, o consumo regular de alimentos e suplementos à base de zinco, pode prevenir uma série de complicações da doença, como retinopatia diabética, por exemplo.

Aumento da imunidade

O zinco é o mineral com maior efeito sobre o funcionamento do sistema imunológico. Baixos níveis estão associados ao mal funcionando do timo, órgão responsável pela maturação dos linfócitos do tipo T, que são conhecidas como importantes células de defesa.

Assim, assegurar bons níveis de zinco no organismo é uma ótima forma de levantar defesas contra uma série de doenças.

Proteção pulmonar

Um dos principais benefícios do zinco está associado à saúde pulmonar, mais especificamente à pneumonia. Por fornecer suporte à imunidade, o mineral se mostrou uma ótima forma de proteger contra essa doença.

Pesquisas mostraram que doses de 20 mg diárias reduziram a severidade de pneumonias em crianças, além de barrar possíveis resistências à antibióticos.

Principais fontes de zinco

As principais fontes de zinco são alimentos de origem animal, tais como: 

  • Ostra;
  • Camarão;
  • Carnes vermelhas;
  • Frango;
  • Peixes;
  • Gema de ovo;

Além disso, o mineral também pode ser encontrado em alimentos de origem vegetal, mas em menores quantidades. Os principais alimentos vegetais com boas doses de zinco em sua composição são: 

  • Gérmen de trigo;
  • Amendoim;
  • Grãos integrais;
  • Castanhas;
  • Tubérculos como batata, mandioca e inhame;
  • Sementes de melancia;
  • Feijão.

Manter uma alimentação equilibrada é uma ótima forma de se alcançar as recomendações diárias de zinco, que são de 8 mg por dia para pessoas comuns e 11 mg por dia para gestantes.

Suplementação também é importante

Todo profissional da saúde sabe que muitos pacientes possuem seletividade alimentar ou então são portadores de alguma doença que impede uma alimentação adequada. Nesses casos fazer uso de suplementos à base do mineral pode ser uma ótima alternativa.

Sedantol é um suplemento à base de zinco e outros minerais como magnésio e selênio, além de outras 10 vitaminas em sua composição.

Ao indicar Sedantol para seus pacientes, eles certamente colherão todos os benefícios do zinco.

Para saber mais sobre Sedantol, é só clicar aqui!

Quando o assunto é saúde dos seus pacientes, você pode contar com a Dovalle.

Conheça os principais nutrientes para manter um coração saudável

coração saudável

Quando se fala em saúde cardiovascular, existe uma série de ações que podem e devem ser tomadas. 

Entre as mais conhecidas estão a alimentação saudável, prática de atividades físicas e controle do estresse. No entanto, algo que pouca gente sabe é que o uso de suplementos também pode auxiliar para manter um coração saudável.

Hoje vamos te mostrar aqueles que são os principais suplementos capazes de fortalecer e manter o coração saudável. Para descobrir quais são eles, basta continuar a leitura desse artigo.

1. Suplementos à base de cálcio são ótimos para um coração saudável

Embora o cálcio seja amplamente relacionado à saúde óssea, é importante destacar que o mineral é responsável pelo processo de contração muscular. Sem ele, nenhum músculo é capaz de sofrer contração e relaxamento e, como se sabe, o coração é um músculo.

Dessa forma, usar suplementos à base de cálcio, é uma ótima forma de manter o coração saudável.

2. Suplementos de magnésio

O magnésio é conhecido como um calmante natural. Suplementos à base do mineral, causando maior sensação de tranquilidade e tem indiretamente um efeito hipotensor, ou seja, ajuda a diminuir a pressão arterial.

Isso promove maior relaxamento, melhora do funcionamento do coração e pode, inclusive, combater e prevenir arritmias cardíacas.

3. Resveratrol

O resveratrol é uma substância amplamente conhecida por conta de sua alta capacidade antioxidante e anti-inflamatória. Presente em sucos de uvas, vinhos e suplementos alimentares, ele é famoso por conta de seus benefícios ao coração.

O resveratrol age de modo a oxidar placas de gordura do interior de vasos sanguíneos, o que naturalmente melhora o fluxo do sangue, prevenindo assim episódios de hipertensão arterial, AVC e até mesmo infartos.

4. Ômega 3

O ômega 3 é outro exemplo de suplemento que age em prol da saúde cardiovascular. Suplementos à base desse tipo de gordura, são altamente anti-inflamatórios e antioxidantes, sendo capazes de prevenir o acúmulo de placas de gordura no interior de vasos sanguíneos e com isso manter o coração saudável.

5. Ácido fólico

O ácido fólico faz parte das vitaminas do complexo e é essencial na formação de uma coenzima capaz de reduzir os níveis de homocisteína, um aminoácido que, quando em excesso, afeta o sistema cardiovascular por completo de maneira negativa, impedindo inclusive a reparação de células do coração e de vasos sanguíneos.

Altos níveis de homocisteína contribuem para o endurecimento de vasos sanguíneos, o que eleva a pressão arterial e traz mais esforço ao coração. Sendo assim, para manter  o coração saudável, é necessário que os níveis de ácido fólico estejam sempre dentro dos níveis de normalidade.

6. Colágeno

Suplementos à base de colágeno são importantes para a saúde do coração, principalmente para pessoas que já sofreram infartos. Isso porque a substância é capaz de auxiliar na regeneração de células cardíacas que passaram por lesões específicas. O consumo regular de suplementos à base de colágeno é uma das principais formas de manter o coração saudável.

7. Vitamina C

Embora seja conhecida por sua poderosa ação antioxidante e anti-inflamatória, além de sua ação no sistema imune, a vitamina C é uma substância fundamental para a síntese de colágeno. A presença dessa vitamina auxilia na síntese do colágeno, que como mostrado anteriormente, é capaz de auxiliar na regeneração de lesões cardíacas.

8. Probióticos

E por fim, temos os probióticos, afinal de nada adianta fazer uso de suplementos visando um coração saudável se o intestino não estiver funcionando adequadamente.

Quanto mais saudável um intestino estiver, maior será sua capacidade de absorver nutrientes e, com isso, mais saudável o coração será.

Agora que você já sabe quais são os principais suplementos para manter o coração saudável que tal aprender mais sobre suplementação e suplementos nutracêuticos? Para isso, basta clicar aqui e acessar nosso blog onde você encontrará uma série de artigos embasados cientificamente capazes de orientar todas as suas condutas de atendimento.